Uma história de empreendedorismo e vanguarda no ramo imobiliário

Postado em 8 de junho de 2021 por

João Dick Empreendimentos foi a primeira a construir um condomínio horizontal de alto padrão em Santa Cruz e agora inova mais uma vez com o Parque Europa

Com a missão de “criar empreendimentos imobiliários inovadores e vender imóveis próprios e de terceiros, buscando constantemente a satisfação dos clientes, corretores sócios e colaboradores, diferenciando-se pela prospecção de produtos e soluções novas e com a melhoria continua”, há 35 anos, a João Dick Empreendimentos escreve a sua história de empreendedorismo e vanguarda no ramo imobiliário de Santa Cruz do Sul.

A primeira percepção da empresa, em meados da década de 80, foi a criação de loteamentos populares, que permitissem acesso ao pessoal do interior. “Nesta época, a grande novidade foi a venda do terreno por arrobas de tabaco”, lembra o empresário e fundado da JDE, João Dick. Desta forma, o cliente podia comprar em três ou quatro anos, pagando em parcelas anuais, conforme a comercialização da safra. “O pessoal trazia o dinheiro ‘vivo’ para pagar este terreno”, lembra ele.

Nos anos seguintes, com a visão de futuro do empresário João Dick, teve início a construção dos primeiros condomínios horizontais. “Como nossa característica era sempre pesquisar, prestar atenção ao que havia de novo, às necessidades dos clientes, foi em um congresso em São Paulo, em 1986, que a gente conheceu o Alpha Ville, em São Paulo, e viu que tinha algumas características que podiam ser aplicadas em Santa Cruz”, recorda Dick. A proposta era fazer um condomínio maior para que a taxa ficasse pequena e que na área externa tivesse uma parte comercial. “Nós apanhamos bastante porque era muita novidade e as pessoas daqui tinham muita desconfiança ainda. Levou um tempo até que as pessoas vissem como uma coisa boa”.

Assim, em 1988, nasce o primeiro condomínio horizontal fechado da cidade de alto padrão, o Costa Norte. Na sequência, vieram o Reserva dos Pássaros, o Serra Azul, entre outros. “Cada condomínio desses, horizontais, foi evoluindo para algo melhor, para algo novo, que trouxesse menos problemas e mais satisfação aos seus moradores”, assegura. Neste contexto, de facilitar a vida das pessoas, mas mantendo conforto, bem-estar e qualidade de vida, surge o Parque Europa, primeiro condomínio vertical da JDE. “Percebemos que, dentro da evolução dos condomínios, também existem pessoas que gostam muito de morar em apartamento, sem perder os espaços. Então nasceu o Parque Europa, que na verdade é um condomínio fechado igual aos outros, só que de apartamentos, dentro de um grande parque, para que a pessoa tenha as vantagens do apartamento e da casa, ao mesmo tempo”, completa.

Fonte: www.gaz.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *