Home office: Confira 5 dicas para simplificar o desenvolvimento da de habilidades na crise

Postado em 26 de abril de 2021 por

Todos temos alguns problemas complexos para resolver em algum momento da vida, e essa habilidade de resolução de problemas já era um atributo notável em profissionais antes mesmo da pandemia.

Hoje, após um ano vivendo uma crise, o que não falta são desafios, enquanto rotina, estabilidade e segurança passaram a ser realidade cada vez mais rara na rotina profissional.

Rebeca Toyama, especialista em estratégia de carreira, comenta sobre a ‘Resolução de Problemas Complexos’, uma habilidade que ganhou mais destaque no ranking de habilidades do relatório ‘Futuro do Trabalho’ do Fórum Econômico Mundial de 2021. A especialista traz ainda 5 dicas para descomplicar e desenvolver essa tão importante competência.

A pandemia de COVID-19 reforçou ainda mais a dimensão da competência em resolver problemas complexos, seja na esfera pública, privada ou pessoal.

E quando não desenvolvida essa habilidade, as pessoas perante o problema geralmente expressam comportamentos como falta de coragem, soluções rápidas e não efetivas e até mesmo pode resultar na busca de um culpado ou acreditar que tudo está conspirando contra, tudo por não ter entendido a raiz do problema e pela influência das emoções.

Para a especialista em estratégia de carreira, a postura negativa que podemos desenvolver diante de um problema só acontece quando se ignora o conceito ‘lifelong learning’, o chamado aprendizado contínuo.

“Esse conceito nos mostra que a jornada de desenvolvimento nunca cessa, pois é por meio dela, que os profissionais conseguem preencher as lacunas para entender e resolver a complexidade de um problema.

E para exemplificar melhor, precisamos entender que: o problema é formado por partes, e essa compreensão ajuda a dividir o problema em etapas menores e a mapear a solução.

Além disso, é necessário ampliarmos a nossa compreensão sobre ele, e ainda compreender as causas e consequências, assim conseguiremos encontrar soluções mais efetivas e eficazes.”, explica Rebeca Toyama, especialista em estratégia de carreira.

A estratégia

Fugir e negar um problema não é o melhor caminho, pois sempre vão surgir mais desafios e normalmente novos problemas poderão aparecer, afinal todos estão em constante aprendizado, mas o segredo está no caminho para passar por esses obstáculos.

Diante de qualquer situação, pare e analise o contexto, pois o melhor procedimento para se resolver um problema complexo é utilizar uma estratégia onde se consegue definir, estruturar, priorizar questões, sintetizar os resultados e trazer a solução do problema.

A especialista ainda traz uma reflexão sobre o modo como nos posicionamos perante os problemas, pois são esses problemas que nos fazem observar algo relevante que, provavelmente, não estava dando a devida atenção.

“Experimente observar seus problemas, tenho certeza de que você também fará descobertas incríveis e grandes aprendizados sobre a vida nesses momentos, como eu já tive. ”, finaliza Rebeca Toyama.

E para simplificar a habilidade de Resolução de Problemas Complexos, confira as 5 dicas da especialista em estratégia de carreira, Rebeca Toyama.
1. Entenda como sua mente funciona, desenvolva um processo de raciocínio diagnóstico duplo, em que o sistema 1 (não analítico) interage com o sistema 2 (analítico);

2. Observe a influências de suas emoções, evitando diagnósticos rasos e soluções precipitadas que podem amplificar o problema;

3. Fique atento a sua postura perante o problema, evite bancar o herói, a vítima ou o justiceiro, isso apenas prolonga o problema;

4. Analise não apenas os impactos financeiro do problema ou da solução, custo emocional e a demanda de energia e tempo merecem ser consideradas;

5. Procure dar um significado positivo ao problema, por mais complexo e desconfortável que seja, você pode transformá-lo em aprendizado.

Fonte: Jornal Contábil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *